fbpx

O que fazer em Montevidéu: roteiro de 2 dias

(Atualizado em junho de 2019) O que fazer em Montevidéu, capital do Uruguai. A cidade que nos últimos anos se tornou referência de qualidade de vida e segurança na América do Sul, é também uma das mais caras do continente. Nesse post dicas para economizar e roteiro para viajar por conta própria.

Plaza Independência em Montevidéu
Plaza Independencia.

*Post atualizado em 16 de junho de 2019

Montevidéu para os brasileiros, Montevideu para os portugueses e Montevideo para os uruguaios, é a maior cidade e capital do Uruguai. Tem uma população 1,381 milhão (2017), cerca de 30% da população do país. Às margens do rio da Prata, talvez seja a capital sul americana mais monótoma e pacata, ainda com ares interioranos.

Montevideo foi fundada em 1724 pelos colonizadores espanhóis. Foi sede da primeira Copa do Mundo de Futebol (FIFA) em 1930 e é a sede administrativa do Mercosul. Em 2017 foi apontada como a capital sul americana com maior qualidade de vida e em 2018 teve renda per capita de 26.700 dólares. Em termos de comparação, a renda per capita média brasileira em 2018 foi de 9.821,41 dólares.

Shopping Punta Carretas
Punta Carretas Shopping.

É considera uma das metrópole mais gay-friendly do mundo e o país foi o primeiro do mundo a legalizar totalmente a maconha. No geral o Uruguai é pioneiro em se tratando de liberdades sociais, tendo aprovado a lei do divórcio em 1907 (7 décadas antes da maioria dos países da região), o aborto em 2013, reconheceu a união civil entre pessoas do mesmo sexo em 2007 e o casamento em 2013, a eutanásia em 2009 e é considerado o país menos corrupto de toda América Latina.

Estivemos lá em agosto de 2010. Como já faz muito tempo, resolvemos editar esse post com informações atualizadas de junho de 2019. Ou seja, post atualizado com as informações necessárias para sua viagem para Montevidéu.

Imigração no Uruguai

A porta de entrada para brasileiros no Uruguai é o Aeroporto Internacional de Carrasco em Montevidéu, que diga-se de passagem é muito bonito e moderno. Lá chegam voos das cias aéreas brasileiras Gol e Latam, com voos diretos de São Paulo e Rio de Janeiro e da Azul, com voos diretos de Porto Alegre, além das conexões provenientes de todas as regiões do Brasil.

1) Precisa de passaporte?

Atenção: por força de acordo vigente entre os Estados Partes do MERCOSUL, brasileiros não precisam de passaporte para entrar no Uruguai. Basta portar carteira de identidade (RG) em bom estado de conservação, que tenha sido expedida de preferência há no máximo 10 anos e que seja possível reconhecer o portador facilmente pela foto.

Não são aceitos documentos como CNH, Carteira de trabalho, Carteiras Profissionais (por exemplo OAB, CREA, Identidade Militar, Identidade Funcional).

Mas é claro que você tiver um passaporte válido para o período da sua viagem, pode usá-lo para viajar para o Uruguai.

Saiba mais no post Países onde brasileiros não precisam de passaporte.

2) Precisa de Visto?

Turistas brasileiros podem permanecer em território uruguaio por até 90 dias, renováveis por mais 90.

Guarde o cartão de entrada entregue pelas autoridades uruguaias durante os tramites na imigração, pois eles podem ser solicitados pela polícia e hotéis durante sua estádia no país e deverão ser devolvidos às autoridades migratórias no momento em que você deixar o país. Em caso de extravio é necessário pagar multa para deixar o Uruguai.

3) Precisa de Certificado de Vacinação?

Não é necessário apresentar Cartão de Vacina ou Certificado de Vacinação contra Febre Amarela.

Não há indicação da necessidade de nenhuma vacina específica, já que as baixas temperaturas no país o tornam inóspito para doenças geralmente comuns no Brasil como dengue, malária, Febre Amarela e Chikungunya.

Se quiser confirmar as informações acima acesse o site do Portal Consular do Ministério das Relações Exteriores e do Consulado-Geral do Brasil em Montevidéu.

Avenida em Montevidéu
Avenida arborizada em Montevidéu.

Como ir do aeroporto de Montevidéu para o centro

O Aeroporto de Carrasco em Montevidéu fica localizado a 24 quilômetro da Ciudad Vieja (centro). É possível ir do aeroporto ao centro de Montevidéu de ônibus de linha, táxi, transfer e Uber.

1) Ônibus de linha

É a forma mais barata. Os ônibus de linha da COPSA param bem em frente ao aeroporto e gastam entre 45 minutos e 1 hora para chegar no centro. Utilizamos o transporte público na nossa visita a cidade quando desembarcamos por lá e a viagem foi super tranquila, sendo inclusive recomendada por um uruguaio que viajou do nosso lado do avião.

Paga-se a passagem diretamente ao motorista e custa em torno de 29 pesos uruguaios (cerca de R$3,20). Mas atenção: os ônibus mas não têm compartimento para bagagem. Evite o ônibus caso viaje com malas grandes.

2) Transfer/Van

No desembarque do aeroporto há um guichê de van oficial que funciona 24 horas. O transporte compartilhado do aeroporto até o centro custa cerca de 350 pesos por pessoa (cerca de R$38), deixando o passageiro na porta do local de hospedagem.

3) Táxi

No mesmo local há um guichê do táxi oficial que também funciona 24 horas. Do aeroporto ao centro de táxi custa cerca de $U1.550 (pesos uruguaios), cerca de R$120. O valor do centro ao aeroporto é 30% menor.

Uma opção pode ser tomar um táxi comum , de cor amarela e preta, mais barato do que os táxis oficiais.

4) Uber

A Uber opera em Montevidéu e uma corrida entre o aeroporto e o centro da cidade custa cerca de 500 pesos (cerca de R$55). No há sinal de wi-fi gratuito.

Palácio Legislativo do Uruguai
Palácio Legislativo do Uruguai.

Onde ficar em Montevidéu

1) Pocitos e Punta Carretas

Essa é a região preferida pelos turista na capital uruguaia. São bairros residenciais de classe média alta nas proximidades do rio da Prata. É uma região muito agradável, com comércio amplo e movimentada de dia e de noite. Outra vantagem é ter construções mais recentes e consequentemente mais confortáveis que o centro da cidade. A Rambla (calçadão da orla do rio), os parques e o Punta Carretas Shopping são opções são atrativos de Pocitos e Punta Carretas.

Rambla em Montevidéu
Rambla em Montevidéu.

2) Centro

Como em toda cidade, o centro é muito movimentado de dia, porém a noite fica deserto. Além disso os hotéis localizados por lá são mais antigos. É uma boa opção para quem gosta de passear de dia e descansar a noite no hotel.

Avenida 18 de Julio em Montevidéu
Avenida 18 de Julio.

3) Ciudad Vieja

A região da Ciudad Vieja, centro histórico de Montevidéu, também é muito procurado por turistas, principalmente por estar próxima aos pontos turísticos e por ter preços mais baixos do que Pocitos e Punta Carretas e ser mais movimentada e conservada do que o centro.

Ciudad Vieja em Montevidéu
peatonal Sarandí.

Essa foi a nossa opção quando estivemos em Montevidéu e fomos muito bem recebidos no Hotel Palácio, hotel simples que fica localizado próximo a Praça da Independência, na Ciudad Vieja (que é o centro histórico de Montevidéu).

Hotel Palácio Montevidéu.
Hotel Palácio

Com diárias a partir de R$125,00 (quarto duplo), esse hotel ocupa um prédio antigo, porém muito bem conservado. Possui quartos confortáveis com acesso a Wi-Fi e banheiro interno, porém o café da manhã não estava incluso. Recomendamos o Hotel Palácio e a região onde ele está localizado.

Vista do rio da Prata
Vista do terraço do hotel: região do porto e rio da Prata.

Que moeda levar para o Uruguai

Não há necessidade de comprar dólares no Brasil e muito menos o peso uruguaio. Leve reais para o Montevidéu e chegando lá troque pela moeda local. O real também é aceito por lá em alguns restaurantes acostumados a atender turistas. Mas se você já tiver dólares, leve-os.

Troque na Casa de Câmbio do aeroporto apenas o necessário para pagar pelo seu transporte até seu local de hospedagem, pois a cotação no aeroporto não costuma ser boa.

Se preferir tomar um táxi, confirme antes, mas é comum os motoristas aceitarem dólares ou reais. Se for utilizar o Uber é possível pagar com o cartão de crédito cadastrado no aplicativo, desde que você tenha feito a autorização para uso no exterior junto ao banco emissor.

Nos restaurantes turísticos e hotéis também costumam aceitar o real e é fácil encontrar casas de câmbio.

Saques e cartão de crédito

Também é possível sacar pesos diretamente nos caixas eletrônicos (veja a taxa cobrada pelo seu banco). Para pagamento com cartão de crédito os estabelecimentos costumam cobrar um acréscimo, além do IOF de 6,38%. É comum alguns lugares nem mesmo aceitar cartões de crédito, principalmente da bandeira Mastercard. Se você pretende utilizar seu cartão, convém perguntar antes: “aceptan tarjeta?”.

Desconto IVA em restaurantes e locadoras de veículos

Por outro lado nos restaurantes e também nas locadoras de veículos pode haver um desconto para estrangeiros de 22% do imposto IVA para pagamento com cartão de crédito ou débito (válido até 31 de outubro de 2019). Funciona assim: quando a maquinha de cartão reconhece um cartão internacional, aplica automaticamente o desconto que vem discriminado no recibo impresso. A informação que temos é que utilizando os cartões VISA nos restaurantes o desconto é aplicado automaticamente durante o processamento, já sendo emitido o recibo com o valor ajustado. Já no Mastercard o recibo sai com o valor cheio e o desconto vem na fatura.

Isenção de IVA na hospedagem

Turistas estrangeiro com estádia no Uruguai menor que 60 dias são isentos do pagamento do IVA na hospedagem. Basta apresentar o passaporte ou cartão de entrada que o estabelecimento deve isentar o turista do pagamento desse imposto, independente da forma de pagamento.

Quem reserva e paga a hospedagem antecipadamente ainda do Brasil através de sites de reserva também é isento desse imposto, que em média seria de 10% de acréscimo sobre o valor da hospedagem.

Mais informações sobre desconto e isenção do IVA uruguaio no site Uruguay Natural do Governo do Uruguai.

O que fazer em Montevidéu

Só a oportunidade de vivenciar uma sociedade tão diferente da nossa já é motivo suficiente para viajar para o Uruguai. Mas se você ainda não se convenceu, veja o que fazer em Montevidéu.

Ciudad Vieja

É a região mais charmosa do centro de Montevidéu. A Ciudad Vieja ou Cidade Velha em português, é o bairro mais antigo de Montevidéu, tendo sua construção sido iniciada a partir de 1724. Preserva muitas construções da época colonial e concentra livrarias, cafés e museus.

Ciudad Vieja em Montevidéu
Canhão em rua da Ciudad Vieja em Montevidéu.

A Puerta de la Ciudadela separa a Ciudad Vieja da Praça Independência já no “centro novo”, passando pela rua de pedestres Sarandí. No sentido oposto está o Mercado do Porto, muito procurado por turistas

Durantes as noites dos fins de semana é uma região movimentada, ideal para quem procura bares, pubs e teatros. Um dos locais mais frequentados é o Bar Fun Fun, na Ciudad Vieja, que tem apresentações de tango ao vivo e decoração típica uruguaia.

Ciudad Vieja Montevideo
Catedral vista do terraço do Hotel Palácio.

Plaza Independência

A praça mais importante de Montevidéu e coração da cidade, foi inaugurada em 1840, quando da expansão da capital do Uruguai para fora da Ciudad Vieja.

Plaza Independência em Montevidéu
Plaza Independencia.

Abriga a Torre Ejecutiva, edifício onde funciona a sede da presidência do Uruguai e vários prédios históricos, incluindo o Palácio Salvo, que foi inaugurado em 1928 com 27 andares e 105 metros de altura como a torre mais alta da América do Sul, título que manteve até 1935.

Palácio Salvo
Palácio Salvo na Plaza Independencia.

É possível fazer uma visita guiada ao edifício todas as terças, quintas e sábados às 15, 16, 17 e 18 horas. Custa 250 pesos e tem duração de 60 minutos. Mais informações na página do Facebook do edifício.

De seus vários monumentos destaca-se o Monumento a Artigas, o maior herói uruguaio por ter sido um dos responsáveis pelo movimento de independência das colônias espanholas e protagonista da independência do Uruguai.

Centro de Montevidéu
Praça Independência: Monumento a Artigas.

No subsolo da praça há mausoléu com os seus restos mortais que é aberto para visitação gratuita as segundas das 12h às 18h e de terça a domingo das 10h às 18h.

Catedral Metropolitana

A Catedral Metropolitana de Montevidéu na Plaza de la Constitución e tem suas origens ligadas a antiga catedral construída na década de 1720. O prédio atual foi inaugurado em 1804, danificada em 1807 durante a invasão inglesa do rio da Prata, finalizada em 1818, reformada em 1858 e restaurado em 1903 e na década de 1940.

Catedral Metropolitana de Montevidéu
Catedral Metropolitana.

A catedral é aberta para visitação e a entrada é gratuita.

Plaza Constituición

É a praça mais antiga de Montevidéu, sendo conhecida como Praça Matriz por localizar-se em frente à Catedral Metropolitana.

Plaza Constituición
Plaza Constituición.

Puerta de La Ciudadela ou Puerta del Sol

É um dos poucos resquícios remanescentes do período em que a Ciudad Vieja de Montevidéu era cercada por uma muralha para proteger contra as tentativas de invasão. A muralha começou a ser erguida em 1741 e foi finalizada em 1780, cercando toda a cidade. Foi destruída após um decreto de 1829, assim como os dois fortes que faziam parte do sistema de defesa de Montevidéu.

Puerta de La Ciudadela
Puerta de La Ciudadela.

Teatro Solis

É uma das principais atrações turísticas de Montevidéu. O Teatro Solís foi inaugurado em 1856 como o mais refinado palco da cultura no país. Durante o dia é aberto a visitação e a noite tem programação do teatro normal, com muitos espetáculos.

Teatro Solís
Teatro Solís.

visitação guiada em português e outros idiomas.
Duração: cerca de 1 horas. Custa: 90 pesos, sendo gratuita todas as quartas-feiras. Horários: terça e quinta às 16h; quarta, sexta e domingo às 11, 12 e 16h; sábado às 11, 12, 13 e 16h.
Saiba mais no site do teatro.

Mercado del Puerto

É um daqueles lugares onde todo turista acaba indo. Trata-se na verdade de um mercado turístico, ideal para provar a parrillada uruguaia e familiarizar-se com os nomes dos diferentes tipos de cortes uruguaios, assim com provar o vinho ou cerveja local. Ocupa um prédio histórico de 1868 e além dos restaurantes há barracas de artesanato, bebidas, roupas de couro e doces. Só tome cuidado pois como todo local turista sempre haverá alguém querendo te vender algo ou te convidar para conhecer o restaurante em que ele trabalha, mas nem sempre os preços são convidativos e justos.

Mercado del Puerto em Montevideo
Mercado del Puerto.

Fuente de los Candados

Reza a lenda que o casal apaixonado que deixar um cadeado com suas iniciais nas grades da fonte, ficará junto para sempre e ainda retornarão juntos ao Uruguai. Fica na avenida 18 de Julio, 1249, no centro de Montevidéu. Atualmente são milhares de cadeados, já que essa foto é de agosto de 2010.

Fuente de los Candados
Fuente de los Candados.

Palácio Legislativo

O Palácio Legislativo do Uruguai foi inaugurado em 1925 e ainda hoje é o edifício com arquitetura mais imponentes de Montevidéu. Com 27 cores diferentes de mármore nas partes externas e interna, é a sede do parlamento uruguaio.

Palácio Legislativo Uruguai
Palácio Legislativo.

É aberto para visitação guiada em espanhol, português e inglês.
Custo: 90 pesos.
Horário: segunda a sexta às 10:30h e 15h.
Endereço: avenida de las Leyes, 11800.
Mais informações no site do Parlamento.

Rambla de Montevidéu

É a avenida que margeia o rio da Prata em Montevidéu, que também é conhecido localmente como mar. Percorre toda a costa e tem o calçadão contínuo mais longo do mundo, com extensão de mais de 22 quilômetros ininterruptos. É uma ótima pedida para quem gosta de caminhar e vivenciar o dia a dia dos moradores locais, além de curtir belas paisagens.

Rambla de Montevidéu
Rambla.

Parque Rodó

O Parque Rodó é o parque mais famoso de Montevidéu. Localizado em uma região nobre da cidade, conta com um belo lago, pedalinhos, Museu de Artes Visuais e várias atrações para crianças. É muito frequentado pelos moradores da capital uruguaia e vale a pena conhecê-lo. A entrada é gratuita.

Parque Rodó em Montevidéu
Parque Rodó.

Estádio Centenário

O Estádio Centenário de Montevidéu foi palco da primeira Copa do Mundo de Futebol em 1930. É um “estádio raiz” ainda com arquibancadas em cimento e pouco conforto. Abriga um museu com acervo das histórias do estádio e parte da história do futebol sul americano.

Estádio Centenário em Montevidéu
Estádio Centenário.

Visitação custa 30 pesos. Horários: segunda a sexta das 10 às 17h.
Site: http://www.estadiocentenario.com.uy

Roteiro de 2 dias em Montevidéu

Esse roteiro de 2 dias em Montevidéu foi pensado para quem chega na noite anterior ao primeiro dia do roteiro ou no início da manhã do primeiro dia, assim como deixa a cidade na noite do segundo dia ou na manhã seguinte. Mas essa é apenas uma sugestão de roteiro pela cidade. Você pode e deve adaptá-lo a realidade da sua viagem e aos seus interesses.

Primeiro dia

Nós chegamos em Montevidéu na noite anterior ao primeiro dia desse roteiro, acordamos cedo, tomamos café da manhã em uma lanchonete próxima e começamos a andar pelas proximidades do Hotel Palácio na Ciudad Vieja.

Calle Sarandí em Montevidéu.
Rua Sarandí na Cidade Velha de Montevidéu.

Como já foi dito, Montevidéu, apesar de ser a capital do Uruguai, até parece uma cidade de interior. Muito plana, é possível caminhar tranquilamente por suas ruas, onde também há muitos ciclistas. Os motoristas tratam pedestres e ciclistas com muito respeito, bastando alguém se aproximar de uma faixa de pedestre para que todos os veículos parem para ele atravessar. Educação de primeiro mundo que felizmente já se vê em algumas cidades brasileiras (poucas). A cidade é bem tranquila em relação a violência, sendo uma das 30 mais seguras do mundo e o Uruguai possui uns dos maiores IDH da América Latina, muito a frente do Brasil.

Palácio Estévez em Montevidéu
Palácio Estévez.

Visitamos a belíssima Catedral Metropolitana, a Plaza Constituición, a Plaza Independência, a Puerta de La Ciudadela ou Puerta del Sol (uma parte da muralha que cercava a cidade), o Teatro Solis, Museo Militar e ouros museus e praças, o Porto de Montevidéu e o Mercado del Puerto, onde almoçamos.

Interior Catedral Metropolitana de Montevidéu
Interior da Catedral Metropolitana.

O Mercado del Puerto é um importante ponto turístico onde pode-se experimentar o legítimo churrasco uruguaio, a famosa Parrillada. São muitos restaurantes e os garçons muito atenciosos sabem os nomes dos cortes das carnes em Português ou dos seus cortes equivalentes, já que os cortes lá são um pouco diferentes dos daqui. Escolhemos um bom restaurante e pedimos a Parrillada completa (que vem com um pouco de tudo) e uma boa cerveja uruguaia. A conta ficou um pouco salgada, mas valeu a pena.

Parrillada completa
Parillada completa.

Após o almoço fomos ao hotel descansar um pouco. Em seguida caminhamos na avenida 18 de Julio no centro de Montevidéu, passando por alguns pontos turísticos como a Fuente de los Candados e o Mercado De Los Artesanos (Mercado dos Artesãos), onde é possível encontrar artesanato local com preços mais justos.

Avenida 18 de Julho em Montevidéu
Avenida 18 de Julio.

Por fim visitamos o belíssimo Palácio Legislativo. Para fazer a visitação interna é preciso chegar antes da 15h, horário da visitação no período da tarde. Lembrando que a visitação interna só acontece de segunda a sexta. De toda forma vale a pena ver o prédio por fora, pois realmente ele é muito bonito e imponente.

Palácio Legislativo Uruguai
Palácio Legislativo.

Abaixo os pontos visitados no primeiro dia desse roteiro. Se você não gosta ou não pode caminhar, opte por fazer parte dos deslocamentos de ônibus ou Uber, já que o roteiro abaixo tem 6,3 quilômetros.

A noite fomos até o Shopping Montevideo e aproveitamos para conhecer o Casino Maroñas. Apenas conhecer, pois não gostamos de jogar. Nesse cassino há apenas máquinas do tipo caça níquel, sem roletas e jogos de cartas. Fica anexo ao shopping e a entrada é gratuita, sendo o lance mínimo para jogar de 100 pesos.

Cassino em Montevidéu
Cassino em Montevidéu.

Segundo dia

Novamente acordamos bem cedo. O roteiro escolhido foi seguir pela Rambla de Montevidéu, que nada mais é que a avenida que margeia o rio da Prata, um enorme rio que separa o Uruguai da Argentina e deságua no Oceano Atlântico na região de Montevidéu. É verdade que olhando para o rio da Prata tem-se a impressão de ser o mar, mas na verdade é a mistura entre o rio e o mar, sendo essa a razão da cor da água ser bem escura.

Rambla em Pocitos Montevidéu
Rambla em Pocitos.

Os uruguaios adoram caminhar, correr, pedalar, andar de skate, pescar e fazer todos os tipos de esportes na Rambla. Para os turistas, caminhar por lá é um dos passeios mais agradáveis para se fazer em Montevidéu.

Parque Rodó em Montevidéu
Parque Rodó.

Caminhamos por algumas horas até chegar ao Parque Rodó, que é um dos maiores parques da cidade. Situado no bairro Punta Carretas, é um belíssimo e agradável parque, ainda mais no inverno, com suas árvores secas entrando em contraste com as árvores verdes que parecem não sofrer com o frio, já que conseguem manter suas folhas, assim como com a maravilhoso lago verde.

Parque Rodó em Montevidéu
Parque Rodó.

Fomos almoçar no Punta Carretas Shopping e saboreamos mais uma vez a deliciosa carne assada uruguaia e uma cerveja local chamada Patrícia. Interessante registrar que os uruguaios se alimentam da seguinte forma: escolhem a carne e um carboidrato, normalmente arroz branco ou papas fritas (batata frita) e a salada. Eles não são como nós que comemos dois ou três tipos de carnes, dois ou três carboidratos, tudo ao mesmo tempo. Acho que da forma como eles se alimentam, além de ser mais saudável, aprecia-se melhor o gosto da comida.

Rambla em Punta Carretas em Montevidéu
Rambla em Punta Carretas.

Após almoçar seguimos, ainda a pé, para o Estádio Centenário, que fica no Parque Battle, visitando o Estádio por fora e também o belíssimo parque, onde pudemos ver as muitas famílias uruguaias que, mesmo no inverno, aproveitavam o dia ensolarado, apesar do frio, para fazer piqueniques em família, praticar esportes e se divertir.

O blog Fui Ser Viajante fez a visita interna ao estádio e contou como foi a experiência no post Estádio Centenario, um monumento ao futebol mundial.

Abaixo os pontos visitados nesse dia.

Cansados de tanto andar (foram quase 10 quilômetros de caminhada) e já a noite, enfim voltamos para o hotel, mas dessa vez de ônibus. Se você não gosta ou não pode caminhar, opte por fazer parte dos deslocamentos de ônibus ou Uber.

Após descansar um pouco, jantamos nas proximidades e voltamos para uma boa noite de sono, já que às 06 horas do dia seguinte retornaríamos para o Brasil.

Praça Zabala em Montevidéu
Praça Zabala.

Quantos dias são necessários para conhecer Montevidéu

Foi uma viagem curta, porém os 2 dias foram suficientes para conhecer a maioria dos pontos interessantes de Montevidéu. Acreditamos que 3 dias seriam o ideal. Com 4 dias já é possível dar uma esticada até até Punta del Este ou Colonia del Sacramento.

Gostamos muito de Montevidéu e pretendemos voltar para conhecer melhor a cidade e o interior do país. Os uruguaios são muito educados e fomos sempre bem tratados. O país é pequeno, entretanto esconde muitas surpresas e vale a pena uma viagem até lá, afinal, estão bem aqui pertinho, são nossos vizinhos.

Centro de Montevidéu
Centro de Montevidéu.

Seguro viagem para o Uruguai

Não é obrigatório contratar, mas extremamente recomendável. O próprio governo uruguaio aconselha que o turista providencie um seguro médico internacional, já que os hospitais no Uruguai só atendem gratuitamente aos cidadãos locais. Em caso de emergência, o estrangeiro é atendido mas tem que arcar com todas as despesas.

Sempre pensamos que nada vai acontecer durante nossas viagens, porém ficar doente no exterior ou sofrer um acidente é mais comum do que se imagina. Sempre recomendamos estar coberto por um bom seguro viagem em qualquer viagem internacional.

Nós utilizamos e recomendamos a SegurosPromo para pesquisar e contratar seguro viagem. Eles funcionam como um portal comparador de preços em diversas seguradoras, oferecendo preços promocionais e comodidade, possibilitando encontrar o plano que melhor atenda suas necessidades.

PROMOÇÃO DE FÉRIAS NA SEGUROS PROMO!
15% de desconto com o cupom FERIAS + 5% de desconto no boleto.
Não dê bobeira, há opções por menos de R$10,00 por dia.
Desconto já aplicado nesse link.
*Promoção válida até 19/12/2019, independente da época da viagem.

Outras cidades para conhecer no Uruguai

Apesar de Montevidéu ser o principal destino dos brasileiros que visitam o Uruguai, há muitas outras cidades no país que merecem ser incluídas no seu roteiro de viagem. Abaixo algumas sugestões de cidades para conhecer no Uruguai.

  • Punta del Este: é o balneário mais famoso do Uruguai. Suas praias e cassinos chegam a atrair mais de 4 milhões de turistas por ano. O blog Tire a Bunda do Sofá esteve por lá e contou tudo no post O que fazer em Punta del Este.
  • Cabo Polonio: a 98 quilômetros da fronteira com o Brasil, essa é uma península rochosa que serve de morada para os lobos marinhos, localizada em um povoado rústico entre as dunas. É uma parada imperdível para quem viaja pelo Uruguai de carro. Saiba mais no post Cabo Polonio – O paraíso dos lobos marinhos do blog Viagens e Caminhos.
  • Praias no Uruguai: no verão conhecer as praias uruguaias pode ser uma ótima ideia para viagem de carro. O blog Apure Guria tem um guia completo com as Praias no Uruguai.
  • Colônia del Sacramento: uma cidade histórica muito charmosa que fica nas bordas do Uruguai, já próximo da Argentina, podendo inclusive ser visitada a partir de Buenos Aires. Foi declarada Patrimônio Cultural da Humanidade em 1995 pela UNESCO por causa da preservação de sua arquitetura histórica. Saiba mais acessando o post Colonia del Sacramento, Uruguai: O que fazer e dicas para planejar sua viagem do blog Foco no Mundo e o post Colônia del Sacramento no Uruguai – dicas e roteiro pela cidade do blog Turistando com a Lu.

Leia também

O que fazer em Buenos Aires: Roteiro de 4 dias

Roteiro de 5 dias em Santiago – Chile

5 roteiros de mochilão pela América do Sul

O que fazer em Gramado e Canela: roteiros e dicas

VIAJE POR CONTA PRÓPRIA E ECONOMIZE MUITO!
Reserve hospedagem no Booking.com
Seguro Viagem com desconto em Segurospromo
Alugue um carro em Rentcars
Ingressos e passeios dentro do Brasil em Touron
Passagens aéreas promocionais em Passagens Promo
Passeios em Santiago com Destino Chile (cupom #bloglovers 10%OFF)
Tours pela América do sul em Denomades.com
Passagens de ônibus, trem e avião dentro da Europa em Omio
Ingressos e passeios pelo mundo em GetYourGuide
Chip Internacional com frete grátis em EasySIM4U
Chip Internacional da Viaje Conectado com 10%OFF cupom PROMO10

7 Comments

  1. OIivio Zorge via Facebook 15/08/2014
  2. Zenilda Duarte 27/12/2016
    • Mochilão Barato 27/12/2016
    • Mochilão Barato 11/06/2017
  3. Danielle 18/02/2018
    • Mochilão Barato 18/02/2018

Gostou? Deixe sua dúvida ou comentário!