Roteiro de 20 dias pela Europa

O Mochilão Barato voltou a Europa! Quer saber mais sobre o nosso roteiro pela Europa realizado entre os meses de outubro e novembro de 2016? Então não deixe de ler esse post até o fim e veja as dicas de como planejar e economizar em sua viagem pela Europa.

Os países por onde passamos dessa vez foram Alemanha, Suíça, Polônia e Luxemburgo. A viagem teve duração de 20 dias e visitamos 10 cidades.

Roteiro de 20 dias pela Europa

Roteiro pela Europa

O roteiro da viagem foi o seguinte:

  1. Frankfurt – Alemanha (acesse os posts): 02 dias.
  2. Heidelberg – Alemanha (acesse os posts): 02 dias.
  3. Zurique – Suíça (acesse os posts): 01 dia.
  4. Munique – Alemanha (acesse os posts): 02 dias.
  5. Berlim – Alemanha (acesse os posts): 03 dias.
  6. Varsóvia – Polônia (acesse os posts): 02 dias.
  7. Cracóvia – Polônia (acesse os posts): 04 dias.
  8. Colônia – Alemanha: 01 dia.
  9. Trier – Alemanha (acesse os posts): 01 dia.
  10. Luxemburgo: 01 dia.
  11. Frankfurt – Alemanha: 01 dia.

Passagens do Brasil para Europa

Aproveitamos uma Mega Promoção da LATAM e a passagem de ida custou R$ 600, já inclusas as taxas. A passagem de volta foi emitida por milhas no programa Multiplus da LATAM. O trecho de volta saiu por 30 mil milhas e R$200 de taxas. Os  voos de ida e volta foram por Frankfurt na Alemanha. A sequência de cidades foi escolhida de forma a não repetir nenhuma cidade além de Frankfurt.

Zurique na Suíça

Deslocamentos internos na Europa

Os deslocamento interno foram realizados de ônibus e de trem. A maior parte foi realizada de ônibus por ser normalmente o meio de transporte mais barato. Fizemos a comparação trecho a trecho dos valores e tempo de viagem. Quando o tempo de viagem de ônibus não era muito maior que o da viagem de trem e o preço da passagem era menor preferimos viajar de ônibus. Em alguns trechos o preço da passagem de trem e de ônibus era praticamente o mesmo e então preferimos ir de trem, assim como quando o tempo de viagem de trem era muito menor e os preço da passagem apenas um pouco maior que o da de ônibus.

Cracóvia na Polônia

Viajar de ônibus na Alemanha, Polônia e Suíça

Viajar de ônibus pode ser uma boa escolha na Alemanha, Suíça e Polônia. Existem empresas low-cost de ônibus e as tarifas começam em 1  euro!

Os ônibus europeus, em geral, não tem o conforto dos que circulam no Brasil, não fazem paradas para refeição, mas por outro lado oferecem wifi gratuito e tomadas de energia embaixo das poltronas.

Na Alemanha a empresa de ônibus que possui os melhores preços é a Flixbus. É uma empresa parceira da MegaBus e seus ônibus são novos e confortáveis, mas não espere poltronas tão macias e que reclinem como as dos ônibus brasileiros. Entretanto, como boa parte dos descolamentos são curtos, será uma viagem muito tranquila. Como eles disponibilizam wifi, basta conectar o celular ou notebook e o tempo passa voando. Na maioria das cidades que eu visitei na Alemanha, os ônibus chegam e partem de estacionamentos próximos as estações centrais de trem. Ou seja, não existe um terminal rodoviário, é algo meio que improvisado, já que é um meio de transporte que começou a ser usado há pouco tempo, tendo em vista a excelente malha ferroviária que eles possuem. Chegue sempre com antecedência, pois pode ser um pouco difícil encontrar o local exato de onde partem os ônibus. Se tiver dificuldades pergunte a qualquer policial ou mostre a passagem para eles e eles saberão te informar.

Berlim na Alemanha

Berlim na Alemanha

Da Alemanha para Zurique na Suíça é possível viajar com a Flixbus. É muito mais barato do que viajar de trem. Os trens na Suíça são extremamente caros. De Heidelberg para Zurique e de Zurique para Munique, utilizamos a Flixbus.

Já na Polônia a empresa de ônibus se chama Polskibus. Os seus ônibus são novos e confortáveis, porém um pouco apertados. As passagens são muito baratas. Vale a pena comprar com alguma antecedência para garantir os preços mais baixos. Os ônibus partem de estacionamentos próximo a estações de metrô em Varsóvia e do terminal de ônibus em Cracóvia, que fica bem ao lado da estação central de trens.

Está gostando desse post? Que tal curtir nossa página no Facebook?

Viajar de trem na Alemanha e Luxemburgo

Fizemos também algumas viagens de trem pela Companhia de Trens alemã Bahn. As passagens podem ser compradas através do site ou do aplicativo da empresa. Eu indico o aplicativo, pois assim você já tem a passagem armazenada no seu celular e nem mesmo precisa imprimir. Também nas estações existem terminais de venda de passagens. Para as viagens mais longas é recomendado comprar com uma boa antecedência para conseguir os preços mais baratos, pois eles sempre disponibilizam poltronas com preços promocionais, mas na medida em que a data da viagem se aproxima elas se esgotam. Já para viagens curtas, as chamadas viagens regionais, os preços são tabelados e você pode deixar para comprar até mesmo no dia da viagem diretamente na estação. As estações de trem sempre são centrais e interligadas aos demais meios de transporte. Os trens são confortáveis e alguns são de alta velocidade. É uma experiência muito legal viajar de trem pela Europa, principalmente para os brasileiros que não são acostumados com esse tipo de meio de transporte.

viajar de trem pela Europa

Trem da Bahn na Estação Central de Berlim

Para visitar Luxemburgo você pode comprar uma passagem especial que a Bahn oferece a partir de Trier, que se chama Luxemburgo Especial. Com ela você pode ir de Trier a Luxemburgo e voltar no mesmo dia pagando apenas € 9,90.

Também é possível viajar de trem dentro da Polônia e entre a Polônia e a Alemanha. A empresa de trens polonesa se chama Polrail. Entretanto, para os deslocamento que realizamos os preços estavam muito superiores aos da empresa de ônibus Polskibus e o tempo de viagem era praticamente igual. Dessa forma preferimos nos locomover dentro da Polônia apenas de ônibus. Porém se você busca mais conforto e não se importa de pagar um pouco mais caro, recomendo optar por viajar de trem.

Nossos deslocamentos pela Europa foram os seguintes:

  1. Frankfurt x Heidelberg: ônibus com a Flixbus (€ 6,00, duração 1:30h)
  2. Heidelberg x Zurique: ônibus com a Flixbus (€ 17,90, duração 5h)
  3. Zurique x Munique: ônibus com a Flixbus (€ 15,00, duração 3:45h)
  4. Munique x Berlim: ônibus com a Flixbus (€ 25,00, duração 7:45h)
  5. Berlim x Varsóvia: ônibus com a Polskibus (€ 14,32, duração 8:35h)
  6. Varsóvia x Cracóvia: ônibus com a Polskibus (€ 6,01, duração 5:00h)
  7. Cracóvia x Colônia: ônibus com a Polskibus (Cracóvia x Berlim) (€ 19,00, duração 8:00h) + trem com a Bahn (Berlim x Trier). (€ 19,00, duração 5:00h)
  8. Colônia x Trier: trem com a Bahn (€ 19,00, duração 2:40h)
  9. Trier x Luxemburgo: trem com a Bahn (€ 9,90, duração 0:50h) 
  10. Luxemburgo x Frankfurt: trem com a Bahn (€ 29,00, duração 3:43h)

A viagens mais longas, de Munique para Berlim e de Berlim para Varsóvia, foram feitas no período noturno. Dessa forma economizamos com hospedagem e não perdemos o dia todo viajando. As outras viagens foram feitas ou no primeiro horário da manhã ou no fim da tarde.

Hospedagem

Abaixo estão os locais em que nos hospedamos. Tivemos boas experiências em todos e os indicamos aos nossos leitores. São hostels com excelente custo benefício, que tem como ponto forte a qualidade dos serviços, o conforto e a localização. Todos eles possuem a opção de quarto compartilhada (mais barato) e quarto privativo, atendendo a quem quer gastar pouco e também a quem pode gastar um pouco mais para se hospedar com mais tranquilidade.

  1. Frakfurt: MEININGER Hotel Frankfurt/Main Convention Center (a partir de €12,60 por noite em quarto coletivo)
  2. Heidelberg: LOTTE – The Backpackers (a partir de €23,00 por noite em quarto coletivo)
  3. Zurique: Oldtown Hostel Otter (a partir de €40,00 por noite em quarto coletivo)
  4. Munique: MEININGER Hotel München City Center (a partir de €10,80 por noite em quarto coletivo)
  5. Berlim: MEININGER Hotel Berlin Central Station (a partir de €18,90 por noite em quarto coletivo)
  6. Varsóvia: Hostel Oki Doki (a partir de €9,95 por noite em quarto coletivo)
  7. Cracóvia: Hotel Legend (a partir de €50,00 por noite em quarto privativo)
  8. Colônia: MEININGER Hotel Köln City Center  (a partir de €14,40 por noite em quarto coletivo)
  9. Trier: Jugendgästehaus – Kolpinghaus Warsberger Hof (a partir de €27,00 por noite em quarto coletivo)

Reserve sua hospedagem conosco

Reserve sua hospedagem através dos links acima e ajude-nos a manter o blog no ar, sempre com novas postagens e muitas dicas de como viajar gastando pouco!


Alimentação

O viajante com orçamento mais apertado pode reservar 15 euros por dia para alimentação na Alemanha. O segredo é tomar um café da manhã reforçado, no almoço ir até algum supermercado e comprar um lanche, salada, etc por cerca de 5 euros e na janta encontrar um restaurante de até 10 euros, o que não é difícil. Se optar por Fast-food é possível comer no McDonald´s por cerca de 6 euros o combo e no Subway por 3 euros. Ainda é possível comprar comida para preparar na cozinha do hostel, ou seja, o viajante com orçamento apertado pode gastar até menos que esses 15 euros por dia na Alemanha com alimentação.

Já o viajante com o um orçamento mais folgado pode reservar de 20 a 25 euros por dia para alimentação e ter a certeza que irá comer muito bem. Ou seja, com cerca de R$ 80,00 é possível fazer todas as refeições na Alemanha e se alimentar bem.

roteiro pela europa

Comida típica alemã

Na Suíça prepare seu bolso. O Fraco suíço é mais valorizado que o euro e tudo é extremamente caro para nós. O que mais chama atenção são os chocolates obviamente. Mas claro que são caríssimos. Cheguei ver caixas pequenas de chocolate por cerca de impressionais R$ 500,00. Só ficamos uma noite e um dia por lá. O que salvou foi o McDonald´s e mesmo assim o combo mais barato saiu por cerca de R$ 40,00.

Já na Polônia comer bem é mais barato que no Brasil. O viajante com orçamento apertado pode separar cerca de Zl 30,00 (ou R$ 24,00) e vai se alimentar bem. Já quem pode gastar mais com Zl 50,00 você vai almoçar ou jantar em um restaurante de alto padrão e comer muito bem. Eu diria que com Zl 100,00 por dia você irá comer do bom e do melhor na Polônia.

Comida Polonesa

Pierogi é um tipo de pastel cozido polonês.

Em Luxemburgo a alimentação é apenas um pouco mais cara que na Alemanha. Você pode aproveitar e almoçar em alguns dos restaurantes franceses da cidade. A maioria tem o “menu do dia” onde está incluído entrada, prato principal e sobremesa por cerca de 15 euros. A cidade tem muitos cafés com deliciosos pães, bolos e doces e preços parecidos com os da Alemanha.

Seguro viagem

A União Europeia, através do Tratado de Schengen, exige do viajante a apresentação de seguro viagem com cobertura de ao menos 30 mil euros.

Fizemos alguns orçamentos em diversas empresas e comparando o custo benefício optamos pelo seguro da Assist-Card contratado através do site da Seguros PromoCustou apenas R$ 158,99 para os 20 dias de viagem, com cobertura de € 35.000,00 para assistência médica por acidente ou enfermidades, € 30.000,00 para despesas médicas, hospitalares e/ou odontológicas, € 30.000,00 para assistência farmacêutica, translados médicos, seguro de translado de corpo e outras coberturas.

Então, a dica para economizar é comparar os preços de diversas seguradoras através da Seguros Promo e aproveitar até 10% de desconto que conseguimos para os nossos leitores. Use o cupom MOCHILAOBARATO5 na tela de pagamento e garanta 5% de desconto e mais 5% de desconto para pagamento via boleto. Caso prefira, o pagamento ainda pode ser feito em até 12 vezes no cartão de crédito.
300x250

Custos da viagem

Alemanha e Polônia são países relativamente baratos para visitar. Em comparação com países como Inglaterra, França e Holanda, gasta-se pouco para viajar pela Alemanha e menos ainda pela Polônia. A realidade é que a Polônia é um dos países mais baratos da Europa já que ainda não adotaram o euro. Suíça e Luxemburgo não são destinos baratos, mas como nessa viagem só reservamos um dia para cada país, esse roteiro pode ser considerado um Roteiro Barato pela Europa. 

Publicaremos posts específicos para cada cidade que visitamos, com muitas dicas do que fazer e como economizar em cada uma.

DÊ UM PIN PARA CONSULTAR ESSE POST MAIS TARDE

Leia também:

Documentos necessários para viajar para Europa

Como planejar uma Eurotrip

Mochilando no Inverno Europeu

Roteiro para 4 dias em Paris

Como escolher uma mochila de viagem

Assine a Newsletter e receba por e-mail um aviso a cada nova postagem sobre essa incrível viagem pela Europa!

Siga também em nossas redes sociais.

20 Comments

  1. Angie 19/12/2016
    • Mochilão Barato 19/12/2016
    • Fernanda 31/01/2017
      • Mochilão Barato 01/02/2017
  2. diana 22/01/2017
    • Mochilão Barato 23/01/2017
  3. Marcelo Bueno Candido 26/01/2017
    • Mochilão Barato 26/01/2017
  4. Ana Carolina 31/01/2017
    • Mochilão Barato 01/02/2017
  5. Daiane 01/02/2017
    • Mochilão Barato 03/02/2017
  6. Lucas Andrade 07/02/2017
    • Mochilão Barato 07/02/2017
  7. Valeria Campello 02/04/2017
    • Mochilão Barato 02/04/2017
  8. CARL UNUK 06/07/2017
    • Mochilão Barato 06/07/2017

Gostou? Deixe sua dúvida ou comentário!