Roteiro para 4 dias em Paris

Quer saber qual foi o meu roteiro para 4 dias em Paris? Então leia esse post até o fim, pois eu dou dicas de hospedagem, transporte, o que fazer e de como economizar. Eu reservei 3 dias cheios para conhecer Paris e um dia para conhecer Versalhes. Cheguei de trem de Londres e de Paris segui de ônibus para Bruxelas. Se você quer economizar em Paris, não deixe de de ler esse post!

Paris

Após 29 dias em Londres eu desembarquei em Paris no trem da Eurostar na estação Gare du Nord, no centro de Paris. Como a imigração é feita na origem nas viagens da Eurostar entre Londres e Paris e vice-versa, desembarquei do trem e segui as placas em direção ao metrô de Paris, pois utilizei o transporte público para chegar ao hostel em que me hospedei.

Quer saber como encontrar as passagens mais baratas para o trem da Eurostar? Acesse esse post!

Hospedagem barata em Paris

Paris já foi declarada a segunda cidade mais cara do mundo pelo jornal britânico The Economist e pelo ranking do Tripadvisor, ficando atrás somente de Londres. Encontrar uma hospedagem boa, barata e bem localizada em Paris é muito complicado. Como viajei com orçamento apertado, após muita pesquisa acabei chegando ao site de um albergue com preços bem acessíveis e essa é a minha dica de hospedagem barata em Paris. O Aubergue Internacional des Jeunes é um dos Albergues mais barato e bem localizado de Paris. Com tarifas a partir de 13 euros fica localizado no bairro da Bastilha, com estação de metrô praticamente na porta. O café da manhã é bem simples e não é a vontade, um funcionário te serve e não é permitido repetir. O banheiro é compartilhado e unissex.  Além da falta de privacidade, o banheiro é bem apertado e escuro. Atenção: o albergue tem uma política de só alojar jovens de até 30 anos, porém quando estive por lá eu estava com 32 anos e enviei um email e me disseram que eu poderia me hospedar normalmente. De toda forma, se você tem mais de 30 anos, envie um e-mail a eles antes de realizar sua reserva.  Se você procura hospedagem barata eu indico esse albergue, mas tenha em vista os problemas que citei. Pelo preço e localização eu me hospedaria lá novamente.

Praça da Bastilha em Paris

Meu roteiro para 4 dias em Paris

Eu reservei 3 dias cheios para conhecer Paris e um dia para conhecer Versalhes. Cheguei na cidade muito empolgado e ansioso para conhecer todos os monumentos e paisagens que durante toda vida eu vi em filmes e fotos. Assim que fiz o check in no albergue já sai para bater perna e conhecer a cidade.

DICA: Se você gosta de caminhar, faça todos (ou quase todos) os deslocamentos por Paris a pé. A volta completa do primeiro dia não terá em torno de dez quilômetros. Já no segundo e terceiro dias a distância será ainda menor, em torno de três a quatro quilômetros.

Rio Sena (6)

Primeiro dia

Programe-se para sair bem cedo do hostel e só voltar no fim da noite. No primeiro dia caminhe muito e veja a maioria das atrações apenas pelo lado de fora.

O percurso que eu fiz nesse dia foi: Jardins du TrocadéroTorre EiffelChamp de MarsArco do TriunfoChamps ÉlyséesPlace de la ConcordeJardin des Tuileries  e Museu do Louvre.

Pegue o metrô e desça na estação próxima a Torre Eiffel. A região é encantadora e além da torre existem alguns parques e jardins. Se o tempo estiver bom aproveite para subir ao topo da torre. Entretanto se o tempo estiver fechado deixe para subir em um outro dia em que o tempo estiver melhor.

Torre Eiffel

Os jardins du Trocadéro compõe uma bela praça localizada de frente ao Rio Sena e com uma vista privilegiada da Torre Eiffel. Da Torre Eiffel, após a sua subida ou não, vá para a Champ de Mars ou Campo de Marte, que é uma das maiores áreas verdes de Paris.

De lá siga para o Arco do Triunfo, passando pela Avenue Kléber, uma das mais belas da região, onde estão localizadas as embaixadas de diversos países. Caminhando em linha reta pela Avenue Kléber você chegará ao Arco do Triunfo.

arco do triunfo em Paris

Do Arco do Triunfo pegue a Champs Élysées em direção a Praça da Concórdia e finalmente o Museu do Louvre.

A Champs ÉlyséesMas é um dos pontos turísticos mais visitados de Paris. Considerada a avenida mais elegante do mundo, é chamada de “la plus belle avenue du monde” pelos franceses.

O roteiro do primeiro dia termina no Museu do Louvre. Aproveite para tirar fotos no lado externo e deixe para voltar e conhecer o interior do Museu no seu segundo dia em Paris.

Museu do Louvre

Está gostando desse post? Que tal curtir nossa página no Facebook?

Segundo dia

Dedique, pelo menos, a manhã inteira desse dia para visitar o Museu do Louvre. Ele é sem dúvidas um dos mais completos do mundo, repleto de obras de arte, arqueologia e pinturas. O Museu está instalado no que antigamente foi o Palácio Real e possui coleções reunidas durante séculos pela monarquia francesa e compra de itens a partir do século XIX.

interior museu do louvre

As Principais obras do Louvre são a Mona Lisa de Leonardo da Vinci, A Virgem e o Menino com Santa Anna de Leonardo da Vinci, as Múmias do Egito e os Sarcófagos.

Depois do Louvre vá para a Cathédrale Notre-Dame, onde você pode chegar caminhando através de uma caminhada gostosa, às margens do Sena com bastante arquitetura.

Catedral de Notre Dame Paris

A Catedral de Notre-Dame possui um estilo gótico e é uma das mais antigas da França, foi construída a partir do ano 1163 até o ano 1245. Foi dedicada à Maria, mãe de Jesus, de aí vem seu nome “Nossa Senhora”

Catedral de Notre Dame

Por último, visite a Praça do Município (Hôtel de Ville em francês). É neste edifício que funcionam as instituições do governo municipal de Paris, ele está localizado na praça de mesmo nome. Como curiosidade, desde 1357 que esse edifício hospeda os escritórios públicos, é de lá que o prefeito cuida da administração da cidade desde 1977.

champs elysees

Terceiro dia

Visite o Sacré Coeur, a Basílica do Sagrado Coração. A vista lá de cima é espetacular. Depois vá ao Moulin Rouge, que fica na mesma região, a qual está lotada de cafés e os melhores restaurantes de Paris. Para finalizar, delicie-se com as Galeries Lafayette, que tem muita acessibilidade por quase todas as linhas do metrô. É um dos shoppings mais famosos do mundo, um lugar elegante e a decoração é linda.

Moulin Rouge

Quarto dia

Depois de três dias passeando por Paris, reservei um dia para fazer um bate e volta a Versalhes, para conhecer o Palácio de Versalhes e seus magníficos jardins.

O incrível e vasto Palácio de Versalhes foi construído como um mundo de luxo privado para os reis da França, isolando-os de todas as mazelas e agitação de Paris. Foi a residência dos reis Louis XIV, Luís XV e Luís XVI, desde 1682 até 1789, quando a família real foi forçada a se mudar para Paris.

A parte mais famosa do palácio são os seus jardins, que se mantém praticamente como nos tempos de Luís XIV, com canteiros, estátuas espalhadas, enormes vasos com flores e fontes ricamente trabalhados.

Como chegar ao Palácio de Versalhes

Para chegar do centro de Paris a Versalhes, pegue o trem RER da linha C para a estação Versailles-Rive Gauche. Observe que nem todos os trens da linha C vão para a estação Versailles-Rive Gauche.

Jardins Palácio Versalhes

Da estação ao Palácio, basta sair pela porta frontal, atravessar a rua e seguir para direita.

roteiro para 4 dias em Paris

Gratuidade no Palácio de Versalhes

O Acesso ao Palácio de Versalhes  e aos seus jardins é gratuito para todos nos primeiros domingos dos meses de novembro, dezembro, janeiro, fevereiro e março. Já para menores de 18 anos, menores de 26 anos residentes na União Européia e para pessoas com deficiência física e seus acompanhantes a entrada sempre é gratuita.

Vai para Paris mas a grana está curta? Veja as dicas de como economizar em Paris.


Nós indicamos a Ticketbar para compra de ingressos online. Apesar de todas as atrações possuírem sites de venda oficiais, a Ticketbar facilita por ter um site todo em português e os preços serem apresentados em reais. A maioria dos ingressos tem o mesmo preço da bilheteria e alguns são até mais baratos.
300x250-Paris-Portugese


Seguro viagem para Europa

A União Europeia, através do Tratado de Schengen, exige do viajante a apresentação de seguro viagem com cobertura de ao menos 30 mil euros. Dependendo da sua idade e do número de dias da sua viagem, esse seguro pode ter um custo bem elevado. Porém você leitor do Mochilão Barato não paga caro pelo seguro viagem se seguir nossas dicas.

A dica para economizar é comparar os preços de diversas seguradoras através da Seguros Promo e aproveitar até 10% de desconto que conseguimos para os nossos leitores.

Nós utilizamos a Seguros Promo para contratar seguro viagem em nossas últimas viagens e recomendamos. Use o cupom MOCHILAOBARATO5 na tela de pagamento e garanta 5% de desconto e mais 5% de desconto para pagamento via boleto. Caso prefira, o pagamento ainda pode ser feito em até 12 vezes no cartão de crédito.
300x250


Leia também:

Como economizar em Paris

Os Jardins do Palácio de Versalhes

Como planejar uma Eurotrip

Mochilando no Inverno Europeu

Assine nosso blog e receba por email um aviso a cada nova postagem!

Nos siga também em nossas redes sociais!

 

 

6 Comments

  1. Davi 27/12/2016
  2. Mariano Farias 09/04/2017
    • Mochilão Barato 11/04/2017
  3. Viajante Comum 02/06/2017
    • Mochilão Barato 03/06/2017

Gostou? Deixe sua dúvida ou comentário!