Rafting em Pucón

Já pensou em praticar rafting em um rio formado por águas do desgelo de um vulcão ativo? Isso é possível em Pucón no sul do Chile. Praticar rafting em Pucón era algo que não estava em nossos planos de viagem, mas acabou sendo um dos pontos altos do nosso último mochilão pelo Chile.

Vulcão Villarica em Pucón

Vulcão Villarica em Pucón

No inverno, Pucón é destino popular entre esquiadores e turistas que buscam dar os primeiros passos na neve. Mas é a partir de setembro, quando as temperaturas sobem, que a diversidade da natureza dessa parte do Chile, repleta de rios,  lagos, montanhas e vulcões, pode ser melhor explorada. Essa pacata cidade de 30 mil habitantes na beira do Lago Villarrica chega a receber 100 mil turistas no verão.

Rafting Pucón Politur

Rafting em Pucón

Uma das atividades mais realizadas na cidade é o rafting nas águas do rio Trancura, o principal da região, que é formado pelas águas das geleiras existentes nos vulcões da região e que mesmo no verão tem temperaturas próximas a zero.

São duas opções de rafting: o baixo Trancura, que é realizado em corredeiras mais amenas de nível II e III e o alto Trancura, que é realizado em corredeiras mais velozes de níveis  III, IV e V e é sinônimo de aventura e adrenalina.

Está gostando desse post? Que tal curtir nossa página no Facebook?

Nós fizemos o passeio organizado pela Politur, a agência de turismo mais tradicional da cidade. Eles nos buscaram no hotel e de lá seguimos para o rio Trancura, a cerca de 15 km de Pucón. Após nos equipar com roupa e botas de neoprene, capacete e colete salva vidas, os guias deram uma pequena aula ensinando a remar, segurar o bote, posições no bote e posições de segurança caso caia no rio.

rafting em PucónPercorremos 13 quilômetros do rio, em descidas de IV e V graus de dificuldade, em um passeio de pura adrenalina, com duração de uma hora e meia, através de florestas nativas, cachoeiras e encantadoras paisagens da região.

Dicas

  • Vista-se confortavelmente e leve traje de banho e uma muda de roupa seca.
  • Use protetor solar.
  • Siga as regras de segurança e fique atento aos comandos dos guias.
  • Nunca retire os equipamentos de segurança.

O passeio custava 25.000 pesos chilenos por pessoa em janeiro de 2017. Para valores atuais e maiores informações acesse o site da Politur.


Leia também:

Roteiro de 12 dias de viagem para o Chile

Valparaíso e Viña del Mar por conta própria

Pucón! A cidade do Vulcão!

 

 

20 Comments

  1. palomadiasgarcia 02/03/2017
  2. afratus1982 02/03/2017
    • Mochilão Barato 02/03/2017
    • Mochilão Barato 02/03/2017
  3. Camila Lisbôa 02/03/2017
    • Mochilão Barato 02/03/2017
  4. fabiopastorello 02/03/2017
    • Mochilão Barato 02/03/2017
  5. Viajante Comum 02/03/2017
    • Mochilão Barato 02/03/2017
    • Mochilão Barato 03/03/2017
  6. Pollyane Martins 04/03/2017
    • Mochilão Barato 04/03/2017
  7. Gisele Rocha 04/03/2017
  8. angiesantanna 06/03/2017
  9. Rafaela 08/04/2017
    • Mochilão Barato 11/04/2017
  10. Carolina Burgos 16/08/2017

Gostou? Deixe sua dúvida ou comentário!